sábado, 5 de julho de 2014

' 5 motivos para parar de tirar as cutículas




Muitas pessoas retiram as cutículas, mas será que é o certo? 
Um hábito comum no Brasil e que deixa o acabamento das unhas bonito, mas não é o certo tanto que as pessoas que vão para o exterior acham estranho, as gringas nem chegam perto do alicate.
Nossas cutículas servem como proteção contra bactérias e fungos. O mais adequado é somente empurrar e hidratar bem. Muita gente é contra isso pois tem a convicção que manicure bem feita é manicure que tira toda a pele em volta das unhas. Eu era assim.Com a prática, cada dia que passava eu tirava menos bifes, mas mesmo assim, nunca estava satisfeita com o acabamento da minha manicure. A pele avermelhada sempre me incomodava e nunca estava satisfeita
Aprendi na prática várias coisas sobre as cutículas, portanto, posso numerar os meus 5 motivos para mudar esse hábito, que estão funcionando e dando certo comigo.

 1- Unhas mais fortes e saudáveis:

As cutículas são uma proteção do organismo. Nossas mãos são partes bem contaminadas (mesmo lavando e higienizando o tempo todo) e, uma vez que as cutículas são cortadas, você está pronta para contrair doenças e mais: suas unhas ficam fracas. Fracas porque a matriz das unhas é traumatizada com os cortes e, cada vez, mais se enfraquecem e deixam as unhas frágeis e quebradiças.

2- Esmaltar fica mais rápido:

A parte mais chata e demorada é a hora de esperar amolecer as cutículas e cortar tudo…isso quando não machucamos, né? Quando você parar de tirar as cutículas e começar a tratá-las, a esmaltação fica muito mais fácil e, consequentemente, mais rápida!

3- As cutículas ficam mais finas:

Umas das coisas que eu mais achava ruim era ter minhas cutículas grossas (elas sempre foram finas, mas quando comecei a tirar as cutículas engrossaram e ressecaram muito). É fato: quanto mais se tira as cutículas, mais elas crescem. Foi só eu parar que as minhas, hoje, são quase que imperceptíveis.Hoje as minhas são super finas, como estou ainda tratando, aparecem as pelinhas indesejáveis nos cantos e ainda são um pouco ressecadas, mas finas. Claro que se você sempre teve o hábito de usar o alicate e tem as cutículas bem grossas, não será amanhã que elas ficarão fininhas. Demora um tempo até a pele regenerar por completo e entender que não precisa mais “crescer” por ali. E é aqui que a hidratação é extremamente importante.

4- Evita doenças:

Sempre fui medrosa em usar alicates que não sei se estavam esterilizados corretamente. Sei que tem toda uma lei que obriga o estabelecimento e manicures particulares esterilizarem seus materiais, mas e se não fizerem?! Imagine só se você vai no salão e sai de lá com alguma doença?! Hepatite, micose. Por isso, se você sempre vai à manicure, faça um kit para você, que só você use. E isso não inclui só o alicate não, viu? Espátula, lixa, palitinho, toalha, base e esmalte também! Agora, imagina tudo isso depois de um “bifinho” arrancado?! Não dá pra brincar.

5- A esmaltação fica mais bonita e dura mais:

Tem coisa mais deprê pra mulher do que a manicure com aparência vencida?! Tirando o fato de ficar um vão considerável entre cutículas e unhas, tem o fato das cutículas em si ficarem ressecadas e começarem a crescer, por que né? A pele tá regenerando onde tá machucado, claro. Quando para de tirar as cutículas a manicure dura mais, fato: porque a cutícula não vai ficar crescendo desse jeito e você não precisa cortar nada para ter aquela aparência bonita. Experiência própria: mesmo com um esmalte nas mãos por mais de 5 dias, é só passar um extra brilho que parece que eu acabei de esmaltar. Fica muito fofo.


E aí, quem de vocês abandonou o alicate?! Me contem. Até mais =D